7 de junho de 2011

Revolta de sentimentos

Onde estás, para onde foste, quando te posso voltar a encontrar, quando é que esta revolta comigo vai parar, quando é que o mundo vai parar, e deixar-me correr sem forças opostas. Quando é que vou poder parar, e olhar para o lado, estares lá, eu olhar para trás, não sentir arrependimento, e olhar para a frente, e sorrir verdadeiramente para o futuro. És feliz? Sentes falta do passado? , Se eu disser sim à primeira pergunta, terei de dizer que não á segunda pergunta, se responder não à primeira, a minha resposta será afirmativa à segunda pergunta.
É tudo tão estranho, tudo tão óbvio, tudo tão confuso ao mesmo tempo.
Chorar de rir , é estranho, é uma sensação diferente, associo as lágrimas à tristeza, associava, porque agora, eu choro porque rio, choro porque vou mais uma vez num baú, e arruma-lo num sotão, choro porque a emoção o manda, choro porque me desiludo, porque sofro, choro porque choro.
Existiu alguém que me fez chorar de rir, alguém me fez rir de chorar, já me ri por ter dores, já tive dores por me rir.

Sentimentos tão opostos, ao mesmo tempo tão unidos...


PS. VOLTEII!

8 comentários:

dianacruz disse...

ainda bem que voltaste (:
gosto bastante , tais como os outros

Ana Margarida disse...

LINDO!

EBA ☮ disse...

MUITO OBRIGADA PELA FORÇA MINHA QUERIDA *-* sinceramente, estou mais que cansada deste mundo neste momento mesmo s;

fiwipa disse...

uma coisinha para ti no meu blogue , winda (:.

rama disse...

"É tudo tão estranho, tudo tão óbvio, tudo tão confuso ao mesmo tempo" - verdade que doi muitas das vezes :(

rama disse...

"É tudo tão estranho, tudo tão óbvio, tudo tão confuso ao mesmo tempo" - verdade que doi muitas das vezes :(

amo-te, disse...

"Existiu alguém que me fez chorar de rir, alguém me fez rir de chorar, já me ri por ter dores, já tive dores por me rir."

também já tive ao meu lado alguém assim :/

amo-te, disse...

obrigada princesa (: