"Escolhas sem retorno"


Introdução:
"Para onde tu foste eu não sei, onde estou eu não sei, e muito menos sei para onde vou, não sei o que vai acontecer, nem sei porque é que tudo isto aconteceu, se calhar porque os problemas me embateram de frente, e eu não os soube contornar, se calhar porque me deixei levar, se calar por isso é que estou aqui, nesta situação, sem poder voltar atrás."


História não verídica.
Não se esqueçam:
Críticas de leitor, são aperfeiçoamentos de autor ;)

4 comentários:

Anónimo disse...

Está a ser linda a história. Continua, rápido!
Parabéns :)

Catarina C. disse...

Adoro as tuas histórias!
Continua a escrever!

Catarina C. disse...

Adoro as tuas histórias. Continua a escrever!

d´ ines disse...

tens muito jeito! i like