13 de outubro de 2011


Não sei se perdi a conta às frases mal ditas, aos pensamentos profundos interrompidos pela professora que teimava em querer-me de olhos postos no livro. Acho que perdi noção de todos os sentimentos que me rodeiam, ou se calhar apenas deixei de sentir. Deixei que tudo avançasse, que todas as pessoas viessem, abri a barreira e deixei que tudo corresse, e esqueci-me de que tinha uma postura a manter. Confundo e afundo-me entre esta maré que não me deixa sair do sítio, e encontro-me entre várias paredes que me podem levar ao maior sonho ou ao pior pesadelo. Já sei que não sei qual caminho escolher, e não sei o que fazer. Magoo, como se não tivesse sentimento por ninguém, mas não consigo encontrar outro caminho para desfazer as más escolhas que fiz, ou para não me deixar cair nas futuras más escolhas feitas.

8 comentários:

martasousa disse...

AMEI MESMO :O

Ana Margarida disse...

L-I-N-D-O!

Gabriela ♥ disse...

PERFEITO *-*

- MartaRibeiro * disse...

lindo lindo lindo !
sigo (: , segues-me ?

- MartaRibeiro * disse...

obrigada (':

Izza Shocks. disse...

Muito obrigada querida!
Estás convidada a aparecer quando quiseres :)

Ana Margarida disse...

oh querida, não se passa nada :) devo de postar um novo capitulo amanhã, mas agora deixo passar mais tempo para dar suspanse :p

Gabriela ♥ disse...

Muito obrigada, princesa :)